Arquivo de etiquetas: Relatividade

2015

No início do século XX, Einstein previu a existência de ondas gravitacionais. A 14 de setembro de 2015, a colaboração LIGO (> 1.200 físicos) observou essas ondas gravitacionais pela primeira vez, originadas por dois buracos negros que se fundiram há 1,3 mil milhões de anos.

A observação levou a uma forma inovadora de estudar o nosso universo e à atribuição do Prémio Nobel de Física (2017) a Rainer Weiss, Barry C. Barish e Kip S. Thorne “por contribuições decisivas para o detector LIGO e a observação de ondas gravitacionais.

É possível destruir um buraco negro?

Recentemente, um investigador português, José Natário, publicou um artigo que procurava responder à questão se seria possível destruir um buraco negro.

Uma investigação teórica na área da Relatividade que permitiu verificar, através das equações de Einstein, que é impossível acelerar a velocidade de rotação de um buraco negro para lá de um certo limite.

Este trabalho levou à definição de um novo teorema geral que nos coloca mais próximos de desvendar os mistérios ocultos pela gravidade massiva dos buracos negros.

90 Segundos de Ciência, com José Natário, professor no Instituto Superior Técnico e investigador no Centro de Análise Matemática, Geometria e Sistemas Dinâmicos.

Um episódio sobre investigação no campo da relatividade matemática, uma área que consiste na análise matemática das equações de Einstein.