2015

No início do século XX, Einstein previu a existência de ondas gravitacionais. A 14 de setembro de 2015, a colaboração LIGO (> 1.200 físicos) observou essas ondas gravitacionais pela primeira vez, originadas por dois buracos negros que se fundiram há 1,3 mil milhões de anos.

A observação levou a uma forma inovadora de estudar o nosso universo e à atribuição do Prémio Nobel de Física (2017) a Rainer Weiss, Barry C. Barish e Kip S. Thorne “por contribuições decisivas para o detector LIGO e a observação de ondas gravitacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

11 + seventeen =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.