RIP - Luis Sepúlveda (1949-2020)

“Patagónia Express” de Luís Sepúlveda

«- Este livro será um convite para uma grande viagem. Promete que a farás.
Prometo. Mas para onde vou viajar, avô?
Possivelmente a lado nenhum, mas garanto-te que vale a pena»

Luis Sepúlveda: História de um homem que gostava de escrever na cozinha

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

8 − 3 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.