In memoriam

Em certos momentos as palavras não surgem facilmente ou puramente não existem palavras capazes de exprimir um sentimento ou não estamos onde deveríamos estar.

Antoine de Saint-Exupéry, na sua obra mais conhecida, O Principezinho, a dado momento escreveu:

... é muito simples: somente vemos bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos.

É muito importante ter a capacidade de distinguir entre o essencial e o acessório, afinal tudo tem um fim.

Certos momentos são um instante de perda irreparável e um fim é demasiadas vezes definitivo.

Certos eventos têm o dom de revelar o quão irrelevante o desperdício de energia em futilidades e discussões estéreis.

O Dalai Lama ("O Livro de Dias") escreveu que "não podemos esquecer que é importante seguir um método correto para atingir nosso objectivo – pois o método é que é importante."

Uma grande lição, afinal de tudo, a felicidade nasce das nossas ações e não de um CV ou outro produto qualquer.

 

P.S. “It Is What It Is.”

O que procura no Google...

Decreto-Lei n.º 4/2015 - Código do Procedimento Administrativo

Artigo 69.º

Casos de impedimento

(...)

b) Quando, por si ou como representantes ou gestores de negócios de outra pessoa, nele tenham interesse o seu cônjuge ou pessoa com quem viva em condições análogas às dos cônjuges, algum parente ou afim em linha reta ou até ao segundo grau da linha colateral, bem como qualquer pessoa com quem vivam em economia comum ou com a qual tenham uma relação de adoção, tutela ou apadrinhamento civil;

URL: https://dre.pt/home/-/dre/66041468/details/maximized?p_auth=jDG524Qm